quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Conheça as canetas para aplicação de insulina

Durante decadas após a descoberta da insulina, as pessoas com diabetes tinham que injetar a insulina usando seringas e frascos, um processo que muitos achavam complicado e indiscreto. Hoje, enquanto frascos e seringas ainda são utilizados, as insulinas também estão disponíveis em formas para aplicação com canetas.

Estas foram desenvolvidas com o objetivo de facilitar a aplicação de insulina, acabando com o estigma frasco–seringa, substituindo-o por uma forma discreta, prática e muito confortável para o paciente com diabetes, que passaram a ter um estilo de vida normal, acabando com o constrangimento e com a inconveniência na hora da aplicação, contribuindo também com o transporte.

Existem dois tipos de canetas no mercado: as descartáveis e as reutilizáveis, também conhecidas como  permanentes, atualmente ambas são muito utilizadas. Elas são constituídas de um cartucho ou refil de insulina e necessitam de agulhas próprias para canetas, que são trocadas a cada aplicação. A seleção da insulina se da pela rotação do botão possuindo um visor para a verificação da quantidade  que se deseja aplicar.

Os refis de insulina ou as canetas descartáveis vem com 3ml, ou seja, 300UI (unidade internacional). Esses refis quando abertos têm a validade de 30 dias podendo ficar em temperatura ambiente. Os refis de insulina e as canetas descartáveis quando ainda fechados devem ser mantidos em geladeira, na parte superior da gaveta de frutas. Não se deve colocá-los na porta, pois com o abrir e fechar constantes, há uma variação de temperatura muito grande podendo causar alterações na sua composição e eficácia. Devemos também evitar as prateleiras próximas do congelador para não corrermos o risco de congelar a insulina, que não deverá mais ser usada, caso isso aconteça.
A escolha da caneta vai depender da insulina que você toma. Existem 3 fabricantes de insulinas no Brasil (Novo Nordisk, Lilly e Sanofi Aventis), e cada fabricante possui sua própria caneta para uso somente com as suas insulinas.
Uma coisa a considerar quando se escolhe uma caneta de insulina é qual a dose você necessita tomar e com qual precisão você deve alterar sua dose. As canetas podem administrar doses em intervalos de meia unidade, uma ou duas unidades, com doses máximas variando de 21 a 80 unidades. As crianças que tomam insulina antes das refeições, por exemplo, podem precisar de uma caneta que permite a administração em incrementos de meia unidade, enquanto alguém que toma uma injeção diária de insulina basal (de ação prolongada) pode usar uma caneta para incrementos maiores (de 2 em 2 Unidades).
Abaixo identificamos as canetas e as insulinas conforme o laboratório fabricante:




Fabricante: Lilly
O laboratório Lilly somente possui a caneta reutilizável ou permanente.
A caneta Humapen Luxura é graduada de 1 em 1 UI, com capacidade máxima por aplicação de 60UI, é compatível com os refis das insulinas Humulin N (NPH), Humulin R (Regular), Humulin 70/30 (NPH/Regular), Humalog (Lispro), Humalog Mix 25 (Lispro) e Humalog Mix 50 (Lispro).




Fabricante: Novo Nordisk

O laboratório Novo Nordisk possui as canetas Novopen 3 e Novopen 3 Demi que são permanentes e a caneta Flexpen, esta última descartável.
As canetas Novopen 3 (Prata/Preto), graduada de 1 em 1 UI e capacidade máxima por aplicação de 70UI  e Novopen 3 Demi (Azul/Llaranja) graduada de 0,5 em 0,5 UI e capacidade máxima por aplicação de 35UI, são compatíveis com os refis das insulinas Novolin N (NPH), Novolin R (Regular), Novomix 30 (Asparte), Levemir (Detemir) e Novorapid (Asparte).
As canetas Flexpen (Descartáveis) encontram-se pré- carregadas com as insulinas Levemir (Caneta na cor verde), Novomix 30 (Caneta na cor azul) e Novorapid (Caneta na cor laranja). Estas são graduadas de 1 em 1 UI com capacidade máxima por aplicação de 60 UI.




Fabricante: Sanofi-Aventis
O laboratório Sanofi-Aventis possui 2 tipos de insulinas a Lantus (Glargina) e a Apidra (Glulisina), tanto em canetas descartáveis (Solostar) quanto em refil, para uso com a caneta Reutilizável (Autopen 24).
A caneta autopen Azul é graduada de 2 em 2UI com capacidade máxima por aplicação de 42UI. Utilizada para o refil da insulina Lantus.
A Caneta Autopen Verde é graduada de 1 em 1UI com capacidade máxima por aplicação de 21UI. Utilizada para o refil da insulina Apidra.


A caneta Solostar é a caneta descartável utilizada para insulina Lantus (caneta cinza) e insulina Apidra (caneta azul). Estas são graduadas de 1 em 1 UI com capacidade máxima por aplicação de 80 UI.

Fonte : Farmácia Doce Vida - http://www.farmaciadiabetes.com.br/

6 comentários:

  1. Eu AMOOOOO essas canetas... Tenho várias....Bjinos...

    ResponderExcluir
  2. Temos também de todas aí em cima!!!!Rsrsrsrsrsrsrs
    Mas a melhor de todas ainda é a da Novo Nordisk - Novopen 3!!!!! A mais macia e facil de aplicar...

    ResponderExcluir
  3. Nossa!!!É verdade...essa foi a que eu mais gostei mesmo... Foi a minha primeira caneta, rsrsrs... Parece que o material dela é melhor...

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho essa Novo Nordisk e a minha médica disse que eu preciso usar a Humalog e é essa que o hospital libera. Não dá pra usar esse refil no Novopen não, né? Vou ter de comprar a Humapen?

    ResponderExcluir
  5. Walkyria- Nova Iguaçu, Rio de Janeiro. Oi,
    minha médica receitou a insulina, mas, tenho certo receio, porém, sei que é necesário.gostaria de saber se existe caneta para a insulina NOVOLIN N100? Esse é o tipo que é fornecido pelo CETHID. Grata pela ajuda

    ResponderExcluir